Capri

Capri

Posted by Natalia in Europa, Itália


Capri, uma ilha no Golfo com uma área de 10,4 km² na província de Nápoles, na Itália, é famosa pela paisagem acidentada, pelos hotéis e pelos centros de compras. A Ilha de Capri é constituída por duas cidades. A primeira é a chamada Vila de Capri, que fica situada acima da Praia Grande, já a segunda é a Vila de Anacapri, que se encontra mais a leste, onde está o pico da ilha.

O clima de Capri é tipicamente mediterrânico. As temperaturas variam entre os 10ºC em Fevereiro – o mês mais frio – e os 28ºC em Agosto. A Primavera e o Outono são as estações mais agradáveis para visitar a ilha.

O acesso à ilha faz-se por Nápoles. Se vier de Roma, é preciso apanhar o autocarro ou o metro na estação Terminis e depois um comboio para Nápoles. Daqui, há um amplo serviço de ferries e hidroaviões que vão até à ilha de Capri.

É uma pequena ilha onde a história, os mitos e o destino de muitos homens se uniram numa paisagem generosa e forte.

          

Piazzeta de Capri

A praça central de Capri tem um relógio imponente, uma igreja muito bonita, uma serie de cafés, e uma vista magnífica do Oceano. A Piazetta é um ponto de passagem obrigatório para quem visita a ilha.

 

Via Camerelle

A Via Camerelle é rua mais chique de Capri e que concentra a maior quantidade de lojas de grife. Tem Armani, Louis Vuitton, Hèrmes, lojas de jóias, relojoarias e muito mais.

    

Jardim de Augusto e Via Krupp

O jardim de Augusto é um dos lugares privilegiados de Capri. Um jardim lindíssimo repleto de canteiros floridos e vistas espectaculares para o oceano. Do alto vê-se as  curvas da Via Krupp (rua tortuosa construída por um milionário para embelezar o caminho entre a Marina Picolla e o centro de Capri). Do outro lado do jardim temos as formações rochosas Il Faraglioni, um dos cartões postais da ilha.

      

Certosa di Giacomo

Ao lado do Jardim de Augusto está a Certosa de Giacomo, um convento lindo debruçado nas encostas de Capri. O convento começou a ser construído em 1371 e até o renascimento Italiano novas partes foram sendo acrescentadas. Destaque para os frescos da igreja principal e para o claustro renascentista fotogénico.

       

Trilha de Pizzolungo

Para umas boas caminhadas, a dica é percorrer a Via Tragara até o acesso a Trilha de Pizzolungo, e caminhar por ela até o Arco Natural passando por alguns dos mirantes mais lindos de Capri. A trilha tem pouco mais de 3Km, e as vistas são espetaculares com direito a Villas Caprichadas,  uma passagem pela gruta Matermania.

             

Grotta Azzurra

A Gruta Azul é uma caverna marinha na costa da ilha de Capri, no sul da Itália. A luz solar, passando através de uma cavidade sob a água e brilhando através da água do mar, cria um reflexo azul que ilumina a caverna nesse tom. A caverna estende-se por 50 metros para dentro do penhasco e possui por volta de 150 metros de profundidade, com um fundo arenoso.

Ana Capri

Três quilómetros de curvas separam a badalada cidade de Capri, da sua irmã menos conhecida Ana Capri, uma cidade charmosa repleta de ruas labirínticas

O centro histórico de Ana Capri  é uma maravilhosa e tem algumas construções bem charmosas como a Casa Rossa (casa vermelha) uma mistura interessante de estilos arquitetónicos, a Igreja de San Michele (uma igreja barroca em formato de Cruz Romana famosa por seu mosaico de Adão e Eva) a praça Armando Diaz, um dos cantinhos preferidos dos locais, com seus bancos mosaicos pintados a mão e a igreja de Santa Sofia, uma das mais lindas da ilha.

Da  Piazza Vittoria, segue o teleférico rumo ao Monte Solaro ou seguir para o Museu Villa de San Michelle.

        

Monte Solaro

O ponto mais alto da Ilha, na região de Ana Capri, é acessível tanto por trilha quanto por teleférico (parte da praça principal de Ana Capri e a subida leva 12 minutos). As vistas são lindas e num dia sem neblina pode-se ver  o monte Vesuvio em Nápoles.

       

Villa San Michele

A antiga villa do médico sueco Axel Munthe foi convertida num dos museus mais lindos da ilha de Capri, uma casa construída em vários níveis decorada com estátuas e peças arqueológicas vindas de Capri e de vários outros cantos do mundo. A casa foi construída sob os restos da antiga capela de San Michelle e por isso ganhou esse nome, sua construção foi documentada por Axel e se tornou um dos livros mais vendidos da época.

Villa Jovis

A Villa Jovis foi o cantinho escolhido pelo imperador Tibério para descansar de seus afazeres Romanos e curtir o ócio com uma vista de cortar a respiração, a Villa fica na parte alta de Capri e chegar lá requer um certo esforço, são 45 minutos de caminhada com direito a uma subida íngreme. As ruínas mostram uma vila elaborada com caixas d’água, fontes de água fresca e muitos cómodos.

       

Punta Carena e o farol

Punta Carena tem um dos melhores pores-do-sol da ilha e é um dos melhores lugares de Capri para curtir um banho de mar, já que o sol é constante o dia todo. Punta Carena é famosa pelo seu farol que desde 1866 orienta os barcos a navegarem pela região.

 

 

 

 

Originally posted 2019-07-25 10:55:20. Republished by Blog Post Promoter

Post a comment

Time executed 0 seconds